Recentemente, em uma live, o ex-pugilista Mike Tyson “desafiou” o campeão dos meio-pesados do UFC, Jon Jones, para uma luta de boxe. Na mesma hora, “Bones” respondeu e ainda ‘tirou uma onda’ com o veterano, destacando que “não quebraria nada do ex-pugilista”.

O “desafio”, entre aspas mesmo, é que Tyson estava falando sobre os pagamentos que envolvem MMA e boxe, relembrando o confronto entre Conor McGregor e Floyd Mayweather. O bizarro é que Jones entrou na onda sem ter noção alguma, fazendo uma espécie de vitimismo, alegando que não é valorizado e tudo mais, o que é completamente bizarro.

Jon Jones recebe uma boa grana de suas lutas no UFC. Ele possui contrato com a organização, o que o deixaria mais distante dessa possibilidade de confronto e é muito, mas muito bizarro Jon Jones enfrentar um inativo Mike Tyson – mesmo sabendo que o cara parece estar ‘voando’ nos treinos.

Vale ressaltar que o ‘voando’ é o que tem sido mostrado em poucos minutos de vídeos promovidos por Tyson e seu treinador, o curitibano Rafael Cordeiro. Se é pra Tyson voltar, que volte contra um ‘tiozão’ também e que seja Wanderlei Silva.