Sete anos depois, Anderson Silva estava de volta ao Brasil para mostrar o que sempre fez muito bem. Um dos maiores lutadores de MMA de todos os tempos, o Spider encarou o americano Jared Cannonier pelo UFC 237, na madrugada deste domingo, na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro.

O curitibano buscava a reabilitação no Ultimate, já que havia perdido para o nigeriano Israel Adesanya em seu último confronto. O Spider começou estudando bastante o jogo do seu adversário e passou a crescer no confronto nos segundos finais.

Porém, ao levar uma bomba em sua perna direita, o curitibano sentiu novamente uma contusão e acabou sendo derrotado por nocaute técnico. Ao final do confronto, o americano foi muito vaiado pelo público presente na Jeunesse Arena.

“Desculpa, galera. Acabei tomando um chute no meu joelho e não deu pra segurar mesmo”, disse Anderson Silva.

Compartilhe no WhatsApp Compartilhe no Facebook Compartilhe no Instagram Compartilhe no Twitter Compartilhe a Tribuna