Tomar medicamentos comuns para aliviar a dor, como ibuprofeno, podem aumentar o risco de desenvolver problemas cardíacos, adverte uma revisão feita na última edição do American Journal of Therapeutics (Jornal Americano de Produtos Terapêuticos).(1) “Para o alívio da dor diária, paracetamol deve ser a primeira escolha para pacientes com, ou em risco de problemas cardíacos ou circulatórios”, adverte o autor da revisão, Professor Stewart Hillis, Professor de Medicina Cardiovascular e de Exercícios na University of Glasgow, Reino Unido. Certos tipos de medicamentos para aliviar a dor, conhecidos como antiinflamatórios não-esteróide (NSAIDs, sigla em inglês), deverão ser utilizados apenas por grupos sob atendimento médico (por exemplo, aspirina em dose baixa é utilizada para prevenir ataques cardíacos), pois elas podem afetar o coração e os rins, levando a insuficiência cardíaca e hipertensão em pessoas em risco.

  • Problemas em potencial

Insuficiência cardíaca

Os antiinflamatórios NSAIDs podem duplicar o risco de insuficiência cardíaca em pessoas idosas tomando também diuréticos (“comprimidos para retenção de líquido”) para hipertensão.(2)

Hipertensão

Os antiinflamatórios NSAIDs podem aumentar a pressão arterial, particularmente naqueles que já tem hipertensão. Paralelamente, eles podem também interromper o trabalho apropriado dos medicamentos para hipertensão.

Embora novos tipos de NSAIDs, conhecidos como inibidores seletivos-ciclo-oxigenase-2 ou CSIs (sigla em inglês), têm sido desenvolvidos para terem um número menor de efeitos colaterais, “seus efeitos com relação à segurança do coração encontram-se em estudos e deverão ser utilizados com cautela em pacientes em risco”, adverte o Professor Hillis.

Você poderia estar em risco?

Você tem um histórico médico de doença coronária?

Você tem problemas renais?

Você tem hipertensão?

Você está atualmente tomando diuréticos (“comprimidos para retenção de líquidos”) ou outros medicamentos para controlar a hipertensão?

Você tem mais de 65 anos de idade? (neste caso, possivelmente você tem um dos fatores de risco descritos acima)

Se você responder sim para quaisquer destas perguntas, então certos tipos de medicamentos de alívio à dor podem colocá-lo em risco de padecer de problemas cardíacos ou circulatórios e deverá consultar seu médico/farmacêutico, antes de tomar um medicamento de alívio à dor. Seu médico/farmacêutico pode recomendar paracetamol como a sua primeira escolha para o alívio da dor, pois o mesmo pode ser tomado por pessoas com problemas cardíacos ou circulatórios.

O Dr John Somberg, Editor do AJT, adverte “Trata-se de um assunto importante e, discutir o potencial de risco em problemas cardíacos com medicamentos NSAIDs, pode ser levantado tanto por médicos, como por pacientes. Isto auxiliará com que os efeitos colaterais relacionados com os medicamentos NSAIDs sejam evitados e para estimular com que as pessoas descubram qual é o medicamento de alívio a dores adequado para as mesmas”.