Tratar as alergias ? rinite e urticária ? com medicamentos que não interfiram no dia-a-dia da criança é o objetivo de todo o médico. Pensando nisso é que a Schering-Plough está colocando no mercado Desalex Xarope, anti-histamínico de última geração, que tem como princípio ativo a desloratadina.

Desalex Xarope é potente na redução dos sintomas gerais, tem rápido início de ação, não interfere com alimentos e sucos, não deixa a criança sonolenta e não atrapalha sua capacidade de concentração. Com agradável sabor tutti-frutti, Desalex Xarope deve ser administrado apenas uma vez ao dia. Tem ação antiinflamatória, o que faz com que atue como descongestionante nasal.

A desloratadina é uma nova molécula, desenvolvida pela Schering-Plough, a partir da loratadina (substância já consagrada para o tratamento das alergias). A administração específica deste metabólito faz com que a ação do medicamento seja mais eficaz, garantindo importantes benefícios: ação antihistamínica, ação antialérgica e ação antiinflamatória, atuando sobre as fases aguda e tardia do processo alérgico. Seu início de ação acontece em apenas 28 minutos. Em comprimidos, uso adulto, Desalex já existe há dois anos no mercado brasileiro.

Desalex Xarope, para uso pediátrico, está indicado para o alívio rápido dos sintomas associados à rinite alérgica, entre eles espirro, coriza, coceira e congestão nasal, lacrimejamento e vermelhidão dos olhos, coceira do palato (céu da boca), das orelhas e tosse. Também está indicado para o alívio dos sintomas associados à urticária, tais como prurido e redução do tamanho e número de erupções cutâneas.

Desalex Xarope é apresentado em frascos com 60 ml. Indica-se o uso 5 ml, uma vez ao dia, para crianças com mais de seis anos. Desalex Xarope deverá ter preço de R$ 23,00.

 

Rinite Alérgica

As alergias atingem cerca de 35% da população mundial. Somente a rinite alérgica afeta mais de 20% da população. Dados dos Estados Unidos mostram que 45 milhões de norte-americanos são alérgicos, o que significa um forte impacto negativo nas atividades diárias no trabalho e na escola, com altos custos diretos e indiretos relacionados a consultas médicas, internações hospitalares e o absenteísmo.

Alguns estudos brasileiros indicam que a rinite alérgica pode atingir cerca de 30% da população, sendo um dos principais motivos de chegada em Prontos Socorros e responsável por grande parte das consultas ambulatoriais. Sabe-se que a rinite alérgica, quando não tratada de forma adequada, predispõe o paciente a doenças como sinusite, otite, deformidades anatômicas decorrentes da respiração bucal e doenças mais graves como a asma, responsável por milhares de óbitos no Brasil.

Alergia

A alergia é uma doença crônica que envolve uma hipersensibilidade ou uma reação exagerada a substâncias normalmente inofensivas ao organismo, denominadas alérgenos, reconhecidos através de sua ligação com os anticorpos presentes nas células dos tecidos.

Existem fatores genéticos hereditários envolvidos no aparecimento das alergias. A idade de aparecimento da alergia é variável. A dermatite atópica, por exemplo, costuma aparecer nos primeiros anos de vida; a rinite alérgica na idade pré-escolar; e a asma na adolescência. Durante a fase adulta os fatores desencadeantes estão relacionados com o nível de exposição aos alérgenos. Sabe-se que algumas alergias estão fortemente inter-relacionadas, como asma com rinite e dermatite atópica com asma.

A rinite alérgica caracteriza-se por crises de espirro, coriza, coceira e congestão nasal. Embora não haja cura para as alergias, ações preventivas podem reduzir os surtos, como evitar carpetes e cortinas – que acumulam poeira e ácaros – e manter os ambientes limpos e arejados. Tudo isso associado a tratamento e acompanhamento médico constante e adequado. Assim, não somente nas crises, o tratamento e o acompanhamento por períodos mais prolongados, assumem papel importante.

Maiores informações sobre Desalex podem ser obtidas na Central de Atendimento Schering-Plough, telefone 0800-117788, ou pelo site www.desalex.com.br