Os números revelam a grande incidência deste problema que atinge principalmente as mulheres. As aftas são caracterizadas por feridas branco-amareladas de contornos avermelhados, sendo uma das doenças mais comuns da mucosa bucal, causando irritação e muita dor entre outros problemas. As regiões de maior manifestação são os lábios, a língua e a bochecha. As informações são da cirurgiã dentista Taiane de Oliveira Abib, ao explicar que os principais fatores determinantes deste problema são o stress, irritações, restaurações mal adaptadas, infecções de anestesias e escovações dentárias erradas.

Alguns medicamentos, fatores genéticos, e outras doenças que afetam o organismo também são responsáveis pelo aparecimento das aftas. Sintomas como ardência e dor podem ser amenizados através da eliminação de alimentos ácidos e de uma boa higiene bucal. Medicamentos como Zilactim, Oncilon, Bicarbonato de Sódio e Clorexidini também são alternativas buscadas para amenizar a dor acelerar o ciclo da doença que dura, em média, de 7 a 14 dias, desaparecendo por conta própria e sem deixar cicatrizes.

A cirurgiã dentista afirma que apesar de existirem muitos estudos sobre o assunto, sua causa ainda é desconhecida, porém ela voltará sempre que aparecerem os fatores determinantes. É importante salientar, caso os sintomas persistirem, que a procura de um profissional adequado é sempre fundamental.