Muito brilho, maquiagem e calças com a cintura muito baixa: se você acha que o trio é perfeito para a balada, acertou. Mas tem muita mulher que aposta na combinação para fazer ginástica. E o pior: não é só a reputação que está em jogo, os exercícios também são prejudicados quando o look não combina com o ambiente que você está freqüentando. “Calças baixas e muito apertadas, por exemplo, limitam os movimentos e deixando a pessoa desconfortável, prejudicando a hora do treino. Isso resulta em exercícios errados e incompletos. É preciso coerência na hora de decidir o visual da academia”, afirma a professora e consultora da academia Contours, Fabianna Queiroz.

Para te ajudar a passar bem longe dos micos que fazem de você a atração da academia, além de levar sua reputação a nocaute, o Minha Vida preparou junto com a professora Fabianna Queiroz , as principais gafes da academia. Confira e passe bem longe delas:

Cabelo solto: Eles ficam grudentos, suados, atrapalham na hora dos movimentos e ainda dão um ar desleixado. A melhor opção é prender os fios de um jeito que eles não incomodem. A dica também vale para a franja: no caso dela, um grampo ou fivelinhas do tipo tic-tac deixam você charmosa.

Calça apertada e baixa: é o pior e o mais recorrente dos micos. É quase impossível andar de tão apertada que a calça está, os exercícios mal saem. A cada agachamento, o cofrinho fica à mostra. “O ideal é vestir roupas leves e confortáveis, confeccionadas com tecidos que favoreçam a transpiração e proporcionem boa mobilidade, como é o caso do algodão”, explica a consultora da academia Contours, Fabianna Queiroz.

Se exibir para o espelho: Se você é daqueles que não sabe se fica mais tempo treinando ou se olhando no espelho é melhor pegar leve. A perda de tempo não ajuda em nada no treino e diminui o ritmo e a concentração. Só foque no espelho quando precisar avaliar sua postura na execução de algum movimento.

Brincos grandes e brilhantes: um pouquinho de coerência é o bastante para saber que esses brincos não combinam nadinha com o clima da academia e ainda oferecem riscos. Eles podem enroscar em algum equipamento e acabar machucando você. O melhor é optar por brincos pequenos e delicados, ou até mesmo deixá-los no armário na hora da malhação.

Desodorante: a academia não é lugar para desfilar perfumes importados, mas o desodorante precisa estar em dia, caso contrário as pessoas não vão conseguir ficar dois minutos do seu lado. Um jeitinho bem prático de evitar o problema é deixar na bolsa da academia um desodorante reserva.

Maquiagem: Pó, blush, lápis de olhos e rímel. Se você está no grupo de esportistas maquiadas é melhor aumentar seu nível de bom senso. Na hora dos exercícios o suor não vai respeitar sua maquiagem.

Meias altíssimas: Quem nunca reparou no cidadão que desfila com meias quase no joelho? Na academia isso também é motivo de piada. Se você prefere as meias maiores opte por uma que não fique tão alta e sempre dê uma olhadinha pra ver se ela esta no lugar certo.

Bate papo na academia: Claro que você pode conversar com um amigo durante o treino, mas não tem nada mais chato do que as pessoas que vão para a academia só para papear, isso só atrapalha o treino das pessoas. Assim você vai ficar conhecido como o chato do lugar.

Calçado da Moda: é evidente que o calçado da moda não é o mais apropriado para a hora dos exercícios. “O calçado é um acessório imprescindível para evitar lesões, dores e desconforto durante a atividade. Ao escolher o tênis é importante saber quais são as atividades que vamos praticar e qual é o tipo da nossa pisada. O tênis deve ser calçado com meias de algodão, que absorvem o suor do pé e impedem o atrito, causador de bolhas”, explica a professora Fabianna Queiroz. Deixe os modelos mais diferentes para os passeios.