A pousada Foz do Marinheiro
oferece cinco piscinas,
sendo três para crianças.

No mês das mulheres, elas ganham homenagem no Pantanal sul-mato-grossense: estada gratuita no complexo hoteleiro Refúgio Ecológico Caiman, desde que estejam acompanhadas. No caso de duas mulheres, apenas uma delas terá direito à cortesia.

A diária gratuita inclui as três refeições e os passeios regulares acompanhados pelos caimaners, monitores bilíngües que guiam os hóspedes pelas principais atrações da região. Os gastos extras como com bebidas, telefonemas, passeios opcionais, workshops de ornitologia e fotografia e os traslados devem ser pagos à parte.

Localizado na cidade de Miranda, a 236 quilômetros de Campo Grande, o Refúgio Ecológico Caiman está integrado ao dia-a-dia de uma fazenda de 53 mil hectares. O empreendimento é formado por quatro pousadas – Sede, Baiazinha, Cordilheira e Piúva. Diariamente, os caimaners organizam passeios a pé, a cavalo, de barco, em bicicletas ou caminhões abertos ideais para safáris fotográficos.

No início do ano, o Pantanal vive o final da estação da cheia, quando a água das chuvas invade os campos e as centenas de espécies de aves habitantes da região aparecem em busca de comida. Os bandos de pássaros coloridos no céu ou nos ninhais formam belíssimos espetáculos.

Serviço – o preço da diária em março é R$ 220 por pessoa, em apartamento duplo.Consulte seu agente de viagens.

Cardoso também oferece hospedagem gratuita

Até o dia 31, mulheres não pagam de domingo a sexta-feira se estiverem acompanhadas e ficarem, no mínimo, duas noites na Pousada Foz do Marinheiro, um Eco Resort localizado em Cardoso, interior de São Paulo. Este mês ainda, há promoção para pessoas com mais de sessenta anos.

O local é rodeado por rica fauna e flora, além da represa de Água Vermelha, que permite esportes náuticos e pescarias. Lá se pode fisgar, por exemplo, um belo tucunaré e depois saboreá-lo no restaurante preparado pelo “mestre cuca” José Manuel.

A estrutura de lazer tem cinco piscinas, sendo duas para adultos (uma de hidro) e três infantis, salão de jogos com pingue-pongue, pebolim, bilhar e carteado; playground, restaurante self-service, bar da praia, salão de eventos e boutique.

As piscinas são circundadas por coqueirais cuja água do fruto o hóspede poderá beber bem gelado.

A prioridade do local é promover atividades e momentos de descanso, alegria e lazer, sem esquecer da preservação e conservação da biodiversidade. Acompanhados por monitores, os hóspedes podem fazer caminhadas por diversas trilhas, passear a cavalo, de charrete e bicicleta, além de praticar biribol e futebol na quadra de areia.

A estrada que liga a sede da fazenda aos chalés leva a um passeio bucólico. Repleta de pés de manga, é cercada por dois pastos enormes onde se pode apreciar a beleza dos cavalos, do gado leiteiro e dos bezerros. Para as crianças, o verdadeiro presente é conhecer a horta, mexer com a terra, tirar leite da vaca, brincar na casa de bonecas e na brinquedoteca.

Na gastronomia, são oferecidos pratos de comida caseira e internacional, tanto no almoço como no jantar. No café da manhã, uma variedade de pães, bolos, bolachas, doces caseiros, sucos e frutas.

O hotel tem trinta apartamentos divididos em três categorias: duplos, triplos e quádruplos. Os de luxo são compostos por uma suíte com cama de casal e duas ou três de solteiros, com capacidade para até seis pessoas; e os duplos, compostos por uma ante-sala com dois sofás-cama e um quarto com duas camas de solteiro, com capacidade para até quatro pessoas. Todos, exceto os quartos, têm ar condicionado, mini-refrigerador, telefone, banheira e varanda. A pousada oferece também mais duas casas com piscina e quiosque próprios onde podem se hospedar até vinte pessoas.

Serviço: a diária varia de R$ 165 a R$ 210 por casal, conforme a categoria do apartamento e suíte escolhidos. Neste valor estão incluídos café da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar.

Onde fica

A Pousada Foz do Marinheiro está localizada na rodovia Jose de Abreu, Km 14, em Cardoso. Para quem sai de Curitiba, a melhor maneira de chegar a Cardoso é seguir até Cambará, na divisa com São Paulo (distância de 290 quilômetros). Depois, em Ourinhos, pegar as rodovias SP-327, SP-225, SP-300 e SP-461 até Votuporanga (distância de 368 quilômetros).

Dessa cidade até Cardoso, o percurso é de vinte quilômetros.

Mais informações: site www.fozdomarinheiro.com.br ou pelos telefones (17) 3466-6133 e (11) 4612-4114 ou consulte seu agente de viagens.