A fim de fortalecer ainda mais o Destino Iguassu como polo turístico internacional, Foz do Iguaçu vai investir este ano R$ 6 milhões em divulgação, cerca de R$ 1,5 milhão a mais do que no ano passado.

Os recursos são provenientes da Prefeitura Municipal, Itaipu Binacional em parceria com empresários do setor. O trabalho será voltado principalmente para os operadores turísticos estrangeiros, sem esquecer os brasileiros.

Espera-se um retorno significativo para a economia do município que, nos últimos anos, vem recebendo mais de um milhão de visitantes. O objetivo é manter o crescimento que a cidade atingiu no número de visitantes. No ano passado a intenção era um aumento entre 5% e 12%, ficando com uma média de 9,4%.

O número de turistas foi de 1,050 milhão em 2007 para 1,154 milhão em 2008. Para este ano, foi mantida a meta de crescimento, na mesma variável, que chega a 12%.

De acordo com o secretário de Turismo, Felipe González, se esses índices continuarem a ser alcançados, em dois ou três anos Foz receberá uma média de 1,5 milhão de visitantes por ano.

Os investimentos incluem a participação em feiras, eventos nacionais e internacionais; famtur e fampress, que trazem operadores e jornalistas para conhecer e divulgar a cidade; apoio a eventos; confecção de material promocional; campanhas publicitárias e divulgação; ações estratégicas com a promoção de treinamentos e captação de eventos. O trabalho teve início no mês passado, com a presença do município em feiras na Holanda, Portugal e Espanha.

Este mês, Foz já foi divulgada na Destination Show, em Londres, na Inglaterra, e participará de eventos em Cascavel (Show Rural), São Paulo (Workshop CVC), Milão, na Itália (Bolsa Internacional de Turismo – BIT) e Bogotá, Colômbia (evento da Associação Colombiana de Agências de Viagens e Turismo). Até o fim do ano estão previstas 67 ações, incluindo participação nos mais diversos eventos turísticos realizados pelo mundo.