Localizada na Serra Gaúcha, a 150km da Capital Porto Alegre e a 710m de altitude acima do nível do mar, a cidade de 27 mil habitantes, tem vocação para bem servir.
Contornada pela natureza exuberante, praças aconchegantes, igrejas, torres, cascatas e pelo sabor da farta gastronomia e dos vinhos que exalam o perfume da uva, Flores da Cunha, que já foi chamada de Nova Trento, é chamada carinhosamente de Terra do Galo.

Desde 1994, Flores da Cunha ostenta o título de Maior produtor de vinhos do País. O município possui em torno de 200 indústrias vinícolas (desde pequenas cantinas rurais a grandes empresas vinícolas).

A paisagem tipicamente europeia é intercalada pela arquitetura italiana, construída pelos imigrantes que aqui chegaram por volta de 1877. A herança dos imigrantes, preservada nos casarios e no dialeto vêneto até os dias de hoje, na cidade e no interior, atribui ao município uma imagem acolhedora e familiar. Além do cenário, a farta gastronomia, os vinhos, as malhas e os móveis aconchegantes são pontos fortes para aquecer os turistas.

Visitar o Roteiro da Melhor Idade, a Rota Turística Vales da Serra, a Rota das Vinícolas dos Altos Montes ou o Roteiro Turístico Caminhos da Colônia significa contemplar lindas paisagens, provar pratos típicos da culinária italiana, excelentes vinhos e sucos, ouvir canções folclóricas, e conhecer gente hospitaleira e lugares encantadores.