Bariloche é um
dos destinos preferidos.

Depois de anos na lista das cidades caras do mundo, Buenos Aires tornou-se um lugar com preços mais acessíveis para os brasileiros. Para o representante geral da Secretaria de Turismo e Esporte da Argentina no Brasil, Rubén Eduardo Ali, esta é a hora de o Brasil conhecer a Argentina. Isto é possível graças à vizinhança dos países, aos preços que, em alguns casos, chegam a ser 60% menores e à infinidade de atrativos turísticos.

Rubén Eduardo Ali, que há mais de dez anos divulga o turismo argentino no Brasil, desenvolveu um detalhado programa com diferentes ações exclusivas para atingir o turista brasileiro e todo o universo do turismo – agências de viagens, operadores, linhas aéreas e terrestres.

O projeto tem início esse mês, com o apoio do setor privado da Argentina, realizando “workshops” e apresentando as ofertas turísticas em grandes cidades brasileiras. Nos encontros, serão mostrados produtos turísticos considerados os preferidos por turistas, como Buenos Aires e Bariloche e outros como a lindíssima Patagônia com Bariloche e Terra do Fogo; sem esquecer dos centros de esqui; o paraíso ecológico na Península Valdés com baleias e pingüins; a região dos lagos, perto da Cordilheira dos Andes, e o majestoso glacial Perito Moreno.

Também farão parte da mostra as preciosidades do noroeste argentino, por onde circula, na Província de Salta, o “Trem das Nuvens” a 4,3 mil metros de altitude. Mendoza, com seu circuito do vinho receberá atenção especial nas exposições.

Mais informações: (11) 3082-8071 ou 3082-8113.