enkontra.com
Fechar busca

Tecnologia

Networking em sala é decisivo para projetos

O networking é um dos principais motivos que atraem profissionais aos programas de MBA. A troca de relatos e experiências promove um ambiente rico em conhecimento, que muitas vezes estimula o empreendedorismo e serve como ponto de partida para novos projetos.

Foi em sala de aula que o ex-aluno do MBA em Marketing, Roy Rudnick, tomou a decisão de executar um dos maiores projetos pessoais que já teve. Nos quase três anos seguintes ao curso, ele deu a volta ao mundo a bordo de um Land Rover 130. O sonho antigo se tornou realidade com muito planejamento e estratégia. Segundo Rudnick, o curso auxiliou na montagem, execução e no pós-projeto.

“O MBA me orientou a planejar todas as frentes que envolviam o desafio, e também tem me ajudado a transformar esta empreitada em três produtos: Exposições fotográficas, livro e palestras”. A expedição “Mundo por Terra” percorreu mais de 160.000km pelos cinco continentes. Foram 60 países, no período ininterrupto de 1.033 dias. Para saber mais sobre a expedição acesse: http://www.mundoporterra.com.br

Augusto Costa, aluno do MBA em Gestão Estratégica de Empresas de 2010, também é um bom exemplo de como a interação em sala pode contribuir para a carreira. Durante o programa, ele foi convidado pelo amigo e chef Fábio Pimentel, a abrir um restaurante. Naquele momento Augusto enxergou a oportunidade de abrir seu negócio.

O projeto foi o foco da disciplina “Plano de Negócios”, e contou com sugestões e ideias de vários colegas. “Em sala de aula contamos com profissionais de diversas áreas e o que enriqueceu e, junto com o MBA, deu embasamento ao projeto”.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Últimas Notícias

Mais comentadas