Por anos, o desenvolvimento dos óvulos intrigou os cientistas que pesquisavam a biologia reprodutiva: quais são os sinais que demonstram que um óvulo imaturo (folículo primordial) se tornou um óvulo maduro que pode ser fecundado?

A questão é importante para os especialistas em fertilidade. Mulheres na menopausa não produzem mais óvulos maduros, ou os produzem apenas ocasionalmente, mas ainda têm folículos primordiais. A mesma coisa pode acontecer com mulheres que tenham algum problema nos ovários.

Se houvesse uma maneira de estimular ovos imaturos a se desenvolver, poderia ser possível que essas mulheres engravidassem.

Mulheres com câncer cujo tratamento prejudica seus ovários também podem querer retirar e preservar alguns ovos imaturos, para ter um bebê mais tarde.

Agora, alguns pesquisadores dizem ter resolvido o enigma de maturação do óvulo. Eles fizeram experimentos com sucesso em ratos, amadurecendo os óvulos, fertilizando-os e assistindo ao nascimento dos filhotes. Eles também usaram o mesmo método, considerado simples, para fazer com que óvulos humanos amadurecessem, mas não os fertilizaram.

Ainda assim, eles afirmam que ninguém pode garantir o sucesso do processo, pois o método ainda é experimental.

Uma menina recém-nascida tem 800 mil óvulos imaturos em seus ovários. Quando ela atinge a puberdade e começa a ovular, 1.000 desses óvulos começam a se desenvolver a cada mês. Todos, com exceção de um óvulo, normalmente somem ao longo do caminho. Ninguém sabe o que acontece com os ovos que não amadurecessem. Segundo os pesquisadores, eles provavelmente morrem.

O impulso por trás da descoberta foi um achado acidental de outros pesquisadores. Eles tinham retirado um gene em ratos e observaram algo estranho e inesperado: todos os óvulos imaturos dos animais começaram a amadurecer. Isso os fez perceber que a chave para amadurecer óvulos é inibir uma enzima conhecida como PTEN e adicionar um fragmento da proteína para ajudar a ativar os óvulos.

No caso das mulheres, a ideia é pegar um pequeno pedaço do ovário, ativar os seus folículos primordiais e colocá-lo de volta no corpo, permitindo que os óvulos cresçam e amadureçam.

Fonte: Cientistas descobrem um método para amadurecer óvulos