Correria, comodidade e conforto. Os argumentos para optar pelos serviços de beleza e estética realizados em domicílio dependem do perfil de cada mulher interessada nesta modalidade de atendimento. Receber os profissionais em casa ou no escritório pode se tornar uma rotina para mulher ou a oportunidade para adequar momentaneamente suas prioridades com a as necessidades de beleza.

Independente de qual seja o motivo, a maior parte das mulheres escolhe o serviço em domicílio se tiver uma boa indicação ou se já era atendida pelo mesmo profissional quando ele ainda atuava em locais de sua confiança, como salões de beleza e clínicas. Para manicures, maquiadores, cabeleireiros, esteticistas e massoterapeutas, muitas vezes, compensa trabalhar fora dos espaços físicos mais tradicionais. Este contexto é viável tanto para o profissional quanto para quem consome esse tipo de serviço.

A jornalista Ticiane Galdino é uma das clientes que optou pelo atendimento em domicílio. Ela está fazendo massagens em casa porque está na reta final da gravidez. “Estava sentindo muitas dores nas costas e o médico recomendou a massagem. Também aproveito para fazer um pouco de drenagem para diminuir o inchaço”, conta. Como está com oito meses e meio de gestação, ela não consegue dirigir e precisa ficar em repouso. “Os horários também não batiam e a profissional concordou em me atender depois do horário comercial”, afirma Ticiane.

Foi a primeira vez que a jornalista escolheu o atendimento em domicílio. Já a cantora Pauline Roeder Siqueira é uma cliente um pouco antiga dos serviços em domicílio, não somente em sua residência, mas também em outros locais que precisa. Para ela, esta foi a saída encontrada para aliar compromissos profissionais e a beleza, com serviços essenciais até mesmo para sua carreira, como a maquiagem. Ela já conhecia Georgia Kristy, que se formou em cosmética e estética. Por este relacionamento mais estreito, Pauline optou por contratar os serviços da profissional.

Foram duas limpezas de pele em casa e sessões de maquiagem antes de shows e para seu próprio casamento. “Antes de um show no Teatro Paiol, a Georgia foi lá e fez toda a maquiagem. Eu precisava cuidar de muita coisa do show e não teria tempo de ir ao salão. Vi que ela era uma ótima profissional e a escolhi para fazer um book antes do meu casamento e a maquiagem no próprio dia da cerimônia”, comenta a cantora. De acordo com ela, a comodidade ajuda muito na hora de optar por este tipo de serviço.

Benefícios para prestadores e clientes

Muitas profissionais de beleza começam no setor de serviços em domicílio porque acreditam que vale mais a pena financeiramente e para a agenda de horários de atendimento. Quem inicia neste segmento depende das clientes que já conquistou trabalhando em outros lugares. A indicação se torna a maior aliada para as autônomas que atendem na casa da clientela. “Muitas mulheres gostam de fazer o serviço em casa, pela praticidade. Tem gente que não gosta de ir ao salão ou não consegue se adequar aos horários. As clientes aliam a comodidade com o fato de conhecer a profissional e saber que o serviço é de qualidade, o que nem sempre você encontra nos salões de beleza hoje em dia”, revela a manicure Ângela Bastos Vigilato, que está na profissão há 20 anos.

Para ela, confiança é tudo na hora de contratar um serviço em domicílio. “A indicação é essencial para a cliente porque ela não vai colocar dentro de casa alguém que não confia. Eu atendo muitas clientes há muito tempo e acabo considerando como uma família. Muitas vezes, ultrapassa esta relação de cliente e prestador de serviço”, explica Ângela.

A gra,duada em cosmética e estética, Georgia Kristy, ressalta que muitas mulheres preferem fazer serviços de massagem e estética em casa porque são sessões mais relaxantes. Assim que termina, elas já estão em casa para curtir ainda mais esta sensação. “Elas escolhem pela comodidade, conforto e isso acaba fazendo com que esse momento seja mais prazeroso”, salienta. Pela proximidade do verão, Georgia tem trabalhado com suas clientes a questão da estética, principalmente com massagens modeladoras e sessões de drenagem. Ela ainda faz maquiagens em noivas, formandas e debutantes, além de outras ocasiões especiais.

Para a maquiadora Ana Carolina Bettio, o grande trunfo do atendimento em domicílio é o atendimento personalizado. A contratação de um profissional que vá até a casa da cliente ou o local de festa pode evitar os atrasos inesperados. “Acaba sendo muito mais tranquilo para a cliente”, avalia. Além das profissionais autônomas, há empresas formais que se especializaram em serviços a domicílio, principalmente em outros estados brasileiros. Nas regiões Nordeste e Sudeste, existem serviços específicos de disque-manicure. Também são ofertados serviços de depilação e fotodepilação em domicílio.