Procurando o grande amor de sua vida? Não precisa esperar sentada.  Relações sem envolvimento ou compromisso estão se tornando cada vez mais comuns e sem dúvida nenhuma podem ser muito estimulantes e divertidas.

Especialistas acreditam que esse tipo de experiência é importante na construção de uma vida sexual plena. Afinal de contas, para a maioria das pessoas é mais fácil se soltar totalmente numa aventura do que numa relação duradoura.

Mas algumas regrinhas básicas precisam ser seguidas para evitar possíveis rasgos no coração.

Regra 1 – Seja objetiva

Românticas por natureza, as mulheres costumam esperar algo mais quando saem com alguém. Confundir uma atração física, com sentimentos profundos, é um dos erros mais comuns. Trabalhar muito bem as expectativas antes de se jogar de corpo e alma pode ser a fórmula para o sucesso desta relação.

Objetividade é essencial e ajuda a evitar desapontamentos. Tenha em mente que neste tipo de relacionamento você não irá ser convidada para eventos familiares e muito provavelmente não será apresentada aos amigos dele. E por isso, não adianta cair em desespero se isto acontecer.  

Assuma o controle e aposte em si mesma. Não ter medo de ficar sozinha, é fundamental para enxergar os sentimentos com maior clareza. Antes de se imaginar em um altar, reflita se você já o conhece o suficiente ou se imagina fazendo planos maiores de vida em comum.

Regra 2 – Organize a relação

Relações puramente sexuais também precisam ser acordadas entre as partes. Uma conversa franca pode ser suficiente para estabelecer os termos necessários para a fidelidade, objetivos e expectativas comuns.

Organizar a relação já no início evita que alguém saia machucado além de deixar tudo bem mais leve e prazeiroso.

Regra 3 – Entre quatro paredes

Respeito e afeto podem e devem existir. Demonstrações públicas de carinho e pequenos mimos são totalmente permitidos. Lembre-se que vocês estão dividindo intimidades e a amizade pode existir independentemente do compromisso.

Os encontros não precisam ficar somente entre quatro paredes. Cinema, jantares e bares são permitidos e podem apimentar ainda mais o relacionamento.

Mas deixe de fora família e filhos, pelo menos no início. Este tipo de intimidade pode dar margem a pressões e desentendimentos.   

Regra 4: Hora de terminar

Relações sem compromisso não tem prazo certo de validade e costumam durar até que a chame se apague.  

Mas atenção: ao menor sinal de paixonite não correspondida, pise no freio. Quem brinca com fogo pode se queimar, mas prefira sempre sair de cena levando de herança apenas um arranhão.