Há exatamente um ano, a Tribuna e Paraná Online lançava um novo projeto, com objetivo bastante desafiador: atrair ainda mais as mulheres e aumentar o número de leitoras do jornal. No Dia Internacional da Mulher, nascia o TDelas. Hoje, a editoria completa um ano, com muitas conquistas. A principal delas foi o fato de a Tribuna ter alcançado a meta de aumentar o público feminino, que passou de 38% para 40% do total de leitores do jornal, segundo dados do Instituto Marplan.

“Pouco a pouco, a Tribuna está vencendo o desafio de se comunicar com o público feminino, prova disso é que está conseguindo aumentar o número de leitoras. Se você pensar que, cerca de dez anos atrás, o jornal tinha pouco mais de 20% de público feminino, chegar a 40% é uma grande conquista”, comenta o diretor de Redação da Tribuna, Rafael Tavares de Mello. Ele ainda lembra que essa diferença de 2 pontos percentuais representa 6 mil mulheres a mais lendo a Tribuna semanalmente, elevando o total para 120 mil leitoras por semana.

Para o futuro, há muitos desafios. O principal é continuar crescendo entre o público feminino. “Nossa meta sempre foi chegar perto dos 45%, que é um objetivo bastante ousado. Já poderíamos ter conseguido isso se tivéssemos optado por uma fórmula mais fácil, mas escolhemos o caminho do conteúdo de qualidade. É um crescimento mais gradual, mais lento, mas também mais consistente, pois não é algo superficial. Não vamos só pelo lado do pitoresco, não falamos apenas de assuntos que atendem ao estereótipo de uma editoria feminina, que as pessoas imaginam que as mulheres queiram ler, falamos do que realmente importa, não só de futilidades. Mostramos dicas de beleza, mas também de carreira”, diz.

Mudanças

Com o objetivo de atender as mulheres mais integralmente, a editoria passou por algumas mudanças no início deste ano. Em 2013, o TDelas circulava apenas em alguns dias da semana. Em 2014, as matérias da editoria passaram a ser publicadas diariamente. “Percebemos que, se queremos atender as mulheres de forma adequada, precisamos estar próximos delas todos os dias”, explica Mello.

Também houve a unificação com a editoria POP (cultura/entretenimento), formando-se um Núcleo Feminino na Tribuna. “Desta forma, estamos tentando falar de forma mais uniforme com esse público, sobre todos os assuntos que interessam às mulheres”.

Mais presentes pra nossas leitoras

Marco Andre Lima
Promoção “Elas são D+” superou expectativas e entra em nova etapa, com os quatro modelos de bolsas disponíveis.

A comemoração do Dia Internacional da Mulher e do primeiro aniversário do TDelas começou muito antes deste 8 de março. Já no início de fevereiro, a Tribuna lançou a campanha “Elas são D+”, dando a oportunidade às leitoras para adquirirem quatro tipos diferentes de bolsas, juntando três selos, somados a R$ 19,90, para resgatar cada um dos modelos. O sucesso foi tanto que, passado o prazo de encerramento da promoção, o jornal teve que adquirir mais bolsas para atender a demanda das mulheres da Grande Curitiba. Em um mês de promoção, todas as bolsas do estoque foram resgatadas e houve até lista de espera.

“A campanha foi um sucesso absoluto e superou todas as nossas expectativas, fazendo com que tivéssemos que adquirir novas peças para atender quem não conseguiu retirar as bolsas que queria”, comemora a coordenadora de Ações Promocionais do GRPCom, Evelin Teixeira.

As novas peças estarão disponíveis a partir da próxim,a semana, em uma fase de ‘repique’. “Desta forma, esperamos atender todas as mulheres que não conseguiram trocar seus selos nas semanas anteriores e também quem tiver interesse de adquirir o modelo de sua preferência a partir de agora”.

Troca

Nesta nova etapa, haverá algumas mudanças no sistema de troca das bolsas. “A quantidade de selos e o valor serão os mesmos, mas agora, a mulher pode escolher qualquer um dos modelos (antes, era apenas um por semana)”, explica Evelin. Ela ainda lembra que quem tiver interesse deve ter um pouco de pressa também. “O estoque é limitado e há menos pontos de troca, somente em locais estratégicos”, reforça. Esta não foi a primeira campanha promocional do TDelas. No ano passado, também foram dados prêmios no Dia das Mães e no Dia dos Namorados.