enkontra.com
Fechar busca

Segurança

VIOLÊNCIA

Pais perdem o terceiro filho para o tráfico de drogas em cinco anos

Cleiton Esteves, 28 anos, foi morto com dois tiros em frente à casa de seus pais, na Rua Osni Antônio de Sá

  • Por Paula Weidlich

Mais uma vez, um trágico assassinato atinge uma família moradora da Vila Barigui, na Cidade Industrial de Curitiba. Na manhã desta quinta-feira (20), Cleiton Esteves, 28 anos, foi morto com dois tiros em frente à casa de seus pais, na Rua Osni Antônio de Sá.

Segundo o delegado titular da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) Fábio Amaro, Cleiton que seria usuário de drogas e possuía antecedentes criminais, não é a primeira pessoa da família vítima da violência.

“Cleiton é o terceiro filho assassinado nesta família em menos de cinco anos. Antes dele, dois de seus seis irmãos foram mortos em situações que possuem ligação com o uso e tráfico de drogas”, explica.
Segundo informações de testemunhas repassadas à polícia, um homem procurou a vítima por volta das 8h, conversou com Cleiton e pouco depois, efetuou os disparos e em seguida, fugiu a pé.

No local, junto ao corpo do jovem, que foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal de Curitiba (IML), foi encontrada uma pequena bucha de maconha, de aproximadamente um grama.
A DHPP investiga o caso, em busca do autor dos disparos.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

14 Comentários em "Pais perdem o terceiro filho para o tráfico de drogas em cinco anos"


Jay
Jay
7 meses 22 dias atrás

Bela família! Pais de M.ER.D/a! botam no mundo e não educam!

Deco
Deco
7 meses 22 dias atrás

Continuando. Se para pais que tem condições já é difícil, dirá para pais sem condições. Os maiores casos de perdição social estão nestes. É um dado estatístico e não um preconceito.

Deco
Deco
7 meses 22 dias atrás

Não se perdem para as drogas simplesmente. É um processo que começa lá quando o casalzinho gera filhos de modo ignorante sem saber se terão condições para crias jogando a responsabilidade para o estado. Infelizmente se os irmãos restantes não ficarem aprumados terão o mesmo destino.

EDENILSON
EDENILSON
7 meses 22 dias atrás

Não vou entrar no mérito da razão das mortes , mas na covardia da execução !!!
Esses pseudos justiceiros são covardes demais !!!
Normalmente agem com comparsas e encapuzados e pegam a ” vítima ” desprevenida !!!
Para mim são COVARDES.

João
João
7 meses 22 dias atrás

Todo bandido é covarde. Só é macho se tem uma arma na mão, ou está cercado de cúmplices. Tire isso deles e terá uma moça. Todos são aa

José Pankie
José Pankie
7 meses 23 dias atrás

Ainda sobraram três porque não tem mais, que se cuidem, senão o fim será o mesmo. Vermes sociais é só acabam no cemitério ou na cadeia.

João
João
7 meses 22 dias atrás

Espero ver a notícia que os outros também seguiram o mesmo caminho, em breve…

alvaro
alvaro
7 meses 22 dias atrás

NÃO OS CONHEÇO, VOCÊS CONHECEM? SÃO TODOS TRAFICANTES?

A Gabardo
A Gabardo
7 meses 22 dias atrás

Pior que ainda vão incomodar, ninho podre este!

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas