enkontra.com
Fechar busca

Curitiba e Região

Incêndio

Fogo destrói Belvedere no Largo da Ordem

Um incêndio que começou por volta das 22h20 destruiu o Belvedere, construção histórica no bairro São Francisco, que seria entregue à Academia Paranaense de Letras em 2018

  • Por Redação

Um incêndio atingiu o prédio Belvedere, no bairro São Francisco, na noite desta quarta-feira (6). O fogo consumiu parte telhado do edifício histórico. As chamas começaram por volta das 22h20, mas ainda não se sabe o que o motivou, de acordo com a Polícia Militar.

Informações extraoficiais colhidas no local dão conta de que o incêndio pode ter sido criminoso. A suspeita é de que algo semelhante a um coquetel molotov tenha sido arremessado no Belvedere. Por volta das 23h30, os bombeiros trabalhavam no rescaldo ao incêndio.

Em sua página no Facebook, o prefeito Rafael Greca confirmou a suspeita de incêndio criminoso e já anunciou que o prédio histórico será restaurado.

“O incêndio me entristece e me determina a recuperar o bem danificado. O prédio construído pelo grande prefeito Cândido de Abreu, em 1915, tem recursos de Potencial Construtivo liberados por mim (no valor de R$ 1,1 milhão) já depositados em conta para criterioso restauro. Repetidas vezes este ano me ocupei do assunto travado por odiosa burocracia. O projeto do IPPUC só não foi licitado porque aguarda liberação da Divisão do Patrimônio Histórico do Paraná. As chamas não nos derrotarão. Nem a burocracia. Vamos aguardar perícia dos bombeiros e assim que a burocracia permita nós começaremos a obra”, disse o prefeito no Facebook.

Imóvel abandonado

O Belvedere, que completou cem anos em 2015, passou a ser alvo de vândalos e ponto de encontro de usuários de drogas desde a desocupação pelo Centro Estadual de Defesa dos Direitos da População em Situação de Rua e dos Catadores de Materiais Recicláveis (Centro Pop Rua).

Em nota, a Prefeitura de Curitiba informou que está acompanhando as investigações do incêndio. O imóvel, símbolo da arquitetura art noveau, estava lacrado e passaria por reformas para abrigar o Observatório da Cultura Paranaense, da Academia Paranaense de Letras e um café escola do Sesc Paraná.

A Prefeitura de Curitiba autorizou neste ano o uso do potencial construtivo, no valor de R$ 1,073 milhão, para a reforma do imóvel. O projeto do restauro do Belvedere foi desenvolvido por arquitetos do Sesc em parceria com o Ippuc. O Palácio Belvedere, na Praça João Cândido, é um prédio tombado pelo Patrimônio Histórico do Estado no ano de 1966.

 

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

34 Comentários em "Fogo destrói Belvedere no Largo da Ordem"


José Carlos
José Carlos
3 dias 18 horas atrás

Totalmente abandonado, como as ruínas das Missões do São Francisco, agora , reformam e abandonam de novo !

Paula
Paula
4 dias 2 horas atrás

Deveríamos montar um esquadrão da morte, um grupo de extermínio e fazer a limpa nessa malária que virou o centro!

EL PODEROSO TORNADO!
EL PODEROSO TORNADO!
4 dias 7 horas atrás

Tem muito jeito de ter sido criminoso, basta ver que foi feito pelo telhado, a teoria do coquetel Molotov tem sentido, mas quem será que teria motivos para incendiar um patrimônio histórico e cultural? É aí que a Polícia Civil tem que mostra serviço com sua inteligência, vamos ver no que dá?!?

pedrinho
pedrinho
5 dias 1 hora atrás

la vai din din publico….kkkkkk … depois reclamam da arena, que dá retorno….kkkkkk. e por falar em dinheiro publico, alguém sabe me dizer se tem verba nossa no projeto do alex, não sei se livro ou filme, que está sendo construído?…….kkkkkkk……. curita virou um antro….. s r n

Paulo
Paulo
5 dias 1 hora atrás

De novo dinheiro pra reformar isso? Melhor demolir mesmo. Acho que ja reformaram esse predio umas 5 cinco vezes, muda o prefeito e cai em ruinas….pacabá!

1 2 3 6
wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas