enkontra.com
Fechar busca

Coritiba

Coritiba

Coritiba

Panela de pressão

Coritiba tira principal lição para 2018: voltar a fazer do Couto sua força

Em 2017, Coxa sofreu em jogos em casa e resultados pesaram no rebaixamento. Para voltar à elite, time sabe da importância dos duelos diante da torcida

  • Por Luiz Ferraz
Wilson ressaltou importância da regularidade em casa e quer voltar a comemorar junto da torcida. Foto: Albari Rosa

O ano é novo, a competição é outra, mas o elenco do Coritiba trará, para a temporada de 2018, lições importantes do ano passado e que foram determinantes para a queda do clube à Série B do Campeonato Brasileiro. Já pensando na disputa da competição e no principal objetivo do Coxa neste ano que é o retorno à elite do ano que vem, os jogadores acreditam que melhorar o fator casa será fundamental para o sucesso neste ano, sobretudo na missão de conseguir o acesso à primeira divisão.

No ano passado, por exemplo, o Alviverde teve apenas 57% de aproveitamento diante da torcida. Em 29 partidas, foram 14 vitórias, oito empates e sete derrotas. Esse fator foi determinante para a queda à segunda divisão. Isto porque, no Brasileirão, o Coritiba, em 19 partidas, conseguiu apenas sete vitórias, seis empates e seis derrotas, com rendimento de somente 45% como mandante.

“A Série B a gente acompanha e é um campeonato muito difícil. A gente tem que ser muito eficiente dentro de casa, sem buscar os três pontos, já que os jogos fora de casa são muito complicados. Sempre pontuar fora é importante também, mas temos que manter uma regularidade. Conseguir se manter entre os quatro primeiros, ser muito eficiente e o fator casa serão fundamentais para o time voltar à Série A”, apontou o goleiro Wilson.

Apesar de ter pouca experiência em Série B, o atacante Alecsandro, que é outro remanescente da última temporada, também destacou a importância de o Coritiba ser eficiente dentro do Couto Pereira. Para isso, o experiente centroavante ressaltou que o torcedor coxa-branca terá que ter paciência, já que o time encontrará adversários que devem jogar mais fechados.

“Ganhar os jogos em casa é fundamental, principalmente na Série B. Deixamos a desejar no fator casa em 2017. O torcedor precisa compreender que precisamos ganhar os jogos em casa. Será um ano diferente. Vamos jogar contra times muitas vezes de porte pequeno e às vezes eles querem que a gente ganhe o jogo em três ou cinco minutos. Não será assim, tem que ter paciência, mas lógico que entrega em campo não vai faltar. Acaba sendo essa a lição e ganhar em casa será mais do que fundamental”, enfatizou o atleta.

Além de ter mais eficiência jogando no Couto, o Coxa, para voltar à primeira divisão, terá que ter mais regularidade durante toda a temporada segundo o zagueiro Walisson Maia. O Verdão, no Brasileirão do ano passado, começou muito bem, chegou a brigar por uma vaga na Libertadores, mas caiu muito de produção e acabou sendo rebaixado.

“Foi um ano difícil para a gente. Teve a queda, há alguns anos estávamos nessa briga e a lição é que temos que manter (a regularidade). Começamos bem e acabamos caindo. Alguns pontos que perdemos fizeram falta. Agora temos a Série B pela frente e vamos procurar fazer um bom trabalho e levar o clube de volta à primeira divisão de 2019. Temos que ter uma sequência boa, começar bem e terminar bem”, concluiu ele.

Para chegar bem na Série B, a partir de abril, o Coritiba, apesar da reformulação no elenco, já vai buscar criar uma identificação nas partidas dentro de casa. Até o início da Série B, o Verdão terá partidas pelo Campeonato Paranaense e, se conseguir passar das primeiras fases na Copa do Brasil, também terá a chance de jogar no Alto da Glória.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

35 Comentários em "Coritiba tira principal lição para 2018: voltar a fazer do Couto sua força"


pedrinho
pedrinho
3 meses 7 dias atrás

kkkkkkkk…a vida da coxaraada….é difícil pra danar……quando time entra em campo, entra em campo pra danar…..kkkkk…..por isso sou atleticano e pra sempre vou cantar…..rubro negro rubro-negro o maior do paraná…kkkkkk….s r n a vcs seus falidos da cidade….kkkkkkkkk

Corisco
Corisco
3 meses 8 dias atrás

EI CHICO, vai tomar no c* e a galera Rubro Negra da por.ra.da a bangú….Atirei um pau no CHICO…tummm….tummm…tummmmm e mandei toma no c*…ei CHICO vai toma no c*

Alto de tantas glorias
Alto de tantas glorias
3 meses 8 dias atrás

E as cadelas gagás se rasgando de inveja como sempre. Por isso o coroné faz o que quer com elas pois ao invés de torcer ficam na praça tentando acasalar.

FURACÃO
FURACÃO
3 meses 8 dias atrás

rsr inveja do que sua paquita burra ?
o poderoso wilson que lega gol da lateral do campo ? rsr
ou o kleber pegador de traveco ? kkk

gadiego lôpez
gadiego lôpez
3 meses 8 dias atrás

Mas o que os chicos tem que possa causar inveja em outro time?

Nectur Farah
Nectur Farah
3 meses 8 dias atrás

KKKK INVEJA DE QUE SEU RETARDADO DE UMA SEGUNDA DIVISÃO ESTA QUE VCS SÓ SAIRÃO PRA IR PRA TERCEIRA KKKKK E A QUESTÃO DE ACASALAR FICA POR CONTA DA SUA IRMÃ QUE FAZ PONTO LÁ E GOSTA MUITO DE ACASALAR COM FORÇA .KKKKKKKKKKKK GORDO BURRO

Alto de tantas glorias
Alto de tantas glorias
3 meses 8 dias atrás

Não não é que cadela poodles que acasalam, acho que vc está gagá de tanto esperar o Sefoderse.

Exterminador
Exterminador
3 meses 8 dias atrás

Agora é tarde. Eu acho que nunca darei tantas risadas largas e gostosas, como no momento em que o Júlio (narrador) anunciou o penalty para o Fla no Barradão e no mesmo minuto a Chape fez o gol que voltou a eliminar o clube que iria se salvar. Mas vai ser muito difícil. Só se acontecer de novo igual.

Franco Atirador
Franco Atirador
3 meses 8 dias atrás

Perfeito idi@ta, não sabe nem o que fala.

pedrinho
pedrinho
3 meses 7 dias atrás

Eterno chico…..kkkk…. franga atiradora…..kkkkkkk… fdp porcoverde…kkkk

gadiego lôpez
gadiego lôpez
3 meses 8 dias atrás

Mas ele falou a verdade. Foi isso mesmo que aconteceu.

Alto de tantas glorias
Alto de tantas glorias
3 meses 8 dias atrás

Eu sei como é isso nunca dei tanta risada como em 2011 quando os poodles levaram uma faixa no atletiba dizendo que time grande não cai, além de rebaixado assumiram que são pequenos. Aliás dou risada até agora.

pedrinho
pedrinho
3 meses 7 dias atrás

Eterno chico…mundialmente conhecido….kkkkkkk seu fdp….. s sr n

gadiego lôpez
gadiego lôpez
3 meses 8 dias atrás

Sua hiena você deu risada em 2011? E nós damos risada em 2005 (quando caiu), 2006 (quando não subiu). 2007 (ainda na 2ª), 2009 (na demolição do couto) e agora de 2017. Então, quem está se divertindo mais somos nós.

Marcos Lopes
Marcos Lopes
3 meses 8 dias atrás

os coxas já estão pedindo para ser transformados em polpa.

Franco Atirador
Franco Atirador
3 meses 8 dias atrás

Você não precisar de transformação, já é uma b@sta.

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas