enkontra.com
Fechar busca

Atlético

Atlético Paranaense

Atlético Paranaense

Contas em dia

Prefeitura assina decreto e Atlético quita parte das contas da Arena

Ex-prefeito Gustavo Fruet assinou o decreto no final de dezembro e, agora, o Furacão diminui as dívidas em relação às obras do estádio

  • Por Luiz Ferraz
Pagamento da Arena foi feito em potencial construtivo. Foto: Daniel Castellano

Um decreto assinado pelo então prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, no dia 21 de dezembro do ano passado, fará com que a CAP S/A – sociedade de propósito específico criada para gerir as obras da Arena da Baixada – consiga quitar sua dívida com a Agência de Fomento do Paraná e que, inclusive, está em execução. De acordo com o decreto número 1.342, que a Tribuna teve acesso com exclusividade, a prefeitura de Curitiba transfere parte dos títulos de potencial construtivo ao Fundo de Desenvolvimento Econômico (FDE), ligado à Fomento Paraná, para a comercialização dos mesmos.

Assim, com essa transferência das cotas de potencial construtivo ao FDE, que é representado pela Fomento Paraná, agência financeira que intermediou os empréstimos para a reforma e ampliação da Arena da Baixada, os recursos entrarão diretamente para pagar a dívida da CAP S/A com o banco estadual. Assim sendo, a execução da dívida do Atlético com a Fomento Paraná, que está em execução, será quitada.

De acordo com o novo texto, que altera o artigo 1º do Programa Especial da Copa do Mundo Fifa 2014, o saldo de potencial construtivo transferível corresponde a 18.953 cotas e será comercializado pelo seu proprietário (no caso a CAP S/A) ou pelo FDE, representado pela Fomento Paraná. Os recursos creditados com a venda do potencial construtivo será creditado diretamente ao FDE para o pagamento da dívida do financiamento realizado junto à instituição financeira estadual.

O pagamento dessa dívida da CAP S/A faz parte do acordo tripartite firmado entre o clube, a prefeitura de Curitiba e o governo do Estado, para a reforma da Arena. que, em 2014, recebeu quatro partidas da Copa do Mundo. O contrato entre as três partes foi baseado, no entanto, de acordo com o custo inicial das obras, orçado em R$ 184,6 milhões, valor dividido igualmente entre Atlético e os poderes estadual e municipal. O custo final das obras, porém, atingiu a marca de R$ 391 milhões.

O Atlético possui, ainda, outros financiamentos pendentes intermediados pelo banco estadual e que tem um prazo maior para pagamento. Neles, o clube colocou como garantia o CT do Caju, o próprio estádio Joaquim Américo, além de recebíveis de receitas de televisão, mas tem um prazo maior para começar a pagar.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

145 Comentários em "Prefeitura assina decreto e Atlético quita parte das contas da Arena"


Halisando Cresce
Halisando Cresce
7 meses 8 dias atrás

E o meu Coritiba? Não ganha nada da Prefeitura para fazer mais uma maquete nova?

Corisco
Corisco
7 meses 8 dias atrás

A prefeitura vende um espaço aéreo que não é dela e que para o cidadão comum não tem serventia alguma. Só serve para as grandes construtoras. Desse modo, quem vai comprar o potencial construtivo é o setor privado….logo conclui-se que não foi utilizado dinheiro publico na construção da Arena.

Oldboy
Oldboy
7 meses 3 dias atrás

ENTENDI Corisco… O Atlético pegou dezenas de milhões de reais e pagou com AR…

tkt_fbe_148422
tkt_fbe_148422
7 meses 8 dias atrás

Curitiba ganhou muito com a Copa, foi a sede mais barata graças ao Atlético que já tinha um estádio quase pronto. O que os coxas queriam? 100% de dinheiro público no Pinheirão?

Daniel Jesus
Daniel Jesus
7 meses 9 dias atrás

Um estádio de copa do mundo com custo total de R$ 391 milhões, e ainda divididos com o dinheiro privado. Excelente negócio para todos os envolvidos: vide o que aconteceu no RJ, que sobrou só para o setor público, e SP, que ainda foi um mau negócio para o participante privado.

gadiego lôpez
gadiego lôpez
7 meses 5 dias atrás

E o estádio do Corinthians em que a arrecadação de todos os jogos tem que dividir por três. Corinthians, Prefeitura e a Construtora do Estádio,um terço cada um. E isso é em todos os jogos.

Cap Tijucas
Cap Tijucas
7 meses 10 dias atrás

Tá louco as paquitas estão histéricas, calma meninas logo logo sai mais uma maquete do chiquerinho novo.

1 2 3 14
wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas