enkontra.com
Fechar busca

Atlético

Atlético Paranaense

Atlético Paranaense

2017 já era?

Mesmo perto do G7, Atlético já iniciou o planejamento para 2018

Furacão já pensa no Paranaense de 2018 visando uma possível classificação para a Libertadores, mas ano cada vez mais vai ficando para trás

  • Por Ricardo Brejinski
Um dos destaques do Atlético, Jonathan já acertou a renovação pro ano que vem. Diretoria já começa a focar em 2018, dentro e fora de campo. Foto: Jonathan Campos

Apesar de estar na oitava colocação no Campeonato Brasileiro, com 34 pontos, cinco atrás do Flamengo, o sétimo colocado e que estaria na Libertadores do ano que vem, o Atlético parece já estar com a cabeça em 2018. A sensação se dá com clube se preparando para disputar o Campeonato Paranaense com o time sub-23.

A confirmação foi feita pelo gestor de futebol do Furacão, Paulo Autuori, que na explicação até citou que seria uma fora de o time principal se preparar para uma eventual classificação para a Libertadores, mas algumas atitudes da própria diretoria dão indícios que 2017 não foi como o planejado.

Ao invés de se preocupar mais com o futebol, o Rubro-Negro vem focando outros interesses. Uma prova disso é o presidente do Conselho Deliberativo, Mario Celso Petraglia, que vem aparecendo mesmo quando não deveria.

Embora tenha pedido afastamento em julho de todas as atividades, alegando problemas pessoais, o dirigente recentemente chamou a atenção por encontros com o governador Beto Richa, por conta da liberação da cerveja nos estádios, com a deputada Maria Victoria, para implementar uma lei exigindo a biometria em todos os estádios do Paraná, e com Vilson Ribeiro de Andrade, presidente da Fomento Paraná, para resolver questões das dívidas da Arena da Baixada.

Dentro de campo, sinais também de que o foco é a próxima temporada. Recentemente, um dos destaques da equipe, o lateral-direito Jonathan, renovou até o final de 2018. Além disso, existe a indefinição da situação do goleiro Weverton, que tem vínculo apenas até maio e ainda não acertou uma permanência, sendo sondados por outros clubes, como Palmeiras e São Paulo. Até para se previnir, o Atlético buscou uma peça de reposição, o goleiro Léo, que vinha se destacando no Paraná Clube e virou, pelo menos por enquanto, o reserva imediato, sendo o provável substituto do camisa 12.

É claro que o Furacão, se emplacar duas vitórias nestes dois compromissos que tem na Arena da Baixada, contra Atlético-MG e Atlético-GO, já pode voltar a almejar, de fato, uma vaga no torneio continental, uma vez que é sempre importante lembrar que o atual G7 pode virar até G9, aumentando as possibilidades e mudando a forma de encarar a reta final do Brasileirão. Porém, o planejamento de 2018, com ou sem Libertadores, já começou.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar
300

3 Comentários em "Mesmo perto do G7, Atlético já iniciou o planejamento para 2018"


ALEMÃO FURACÃO
ALEMÃO FURACÃO
6 meses 22 dias atrás

A diretoria já encheu o sac0 com essa história de de sub alguma coisa. Não ganhamos nada. Time e torcida vivem de títulos. Pelo menos o paranaense encima dos c0xinhas já é gratificante. O difícil é ficar esperando um futuro que nunca chega.

Paulo Cesar
Paulo Cesar
6 meses 22 dias atrás

só faz chuver no molhado e sem nenhum resultado bom para o clube. Porque TITULOS QUE É BOM NÃO SE CONQUISTA DESTE JEITO.

Paulo Cesar
Paulo Cesar
6 meses 22 dias atrás

Chega desta PALHAÇADA DE SUB 23 para disputar o Paranaense, vamos colocar o time principal em campo e usar para avaliar o grupo e ver quem fica, quem sai e quais posições deverão ser contratados novos jogadores. Esta Palhaçada de todos os anos não nos leva a nada. Pois este ano já se provou que…..

wpDiscuz

Últimas Notícias

Mais comentadas