enkontra.com
Fechar busca

Publicidade

Colombo

Desafio de vida

Foto: Arquivo pessoal.
Escrito por Lucas Sarzi

Adriana Turko tem 43 anos e há seis dedica seu tempo a dar o mínimo de qualidade de vida à filha, que nasceu com paralisia cerebral. A pequena Thayla Vitória Turko Castelo Branco vive em condições complicadas, pois a doença num nível mais grave que o comum a faz ter diversas restrições. Nos últimos dias, quando foi assaltada, a situação de Adriana piorou e agora ela precisa de ajuda.

Além de paralisia cerebral, a menina tem também microcefalia, disfalgia e traqueomalasia. A melhora no quadro veio quando Thayila começou a fazer fisioterapia, mas ainda assim tudo o que a envolve exige cuidados. “Vivo em função dela. Por ser uma criança de risco, larguei o emprego e dedico o tempo que ela realmente precisa, porque não dá para deixá-la sozinha”, explica Adriana. Com o marido desempregado e depois do assalto, em que bandidos levaram o beneficio de um salário mínimo da garota, a família começou a passar por mais desafios.

thayla-ajuda

“Uso o dinheiro para os remédios, fraldas e completar o valor do aluguel. Depois disso, fomos surpreendidos e tivemos que contar realmente com a ajuda das pessoas”. Pra complicar um pouco mais, Thayla ficou doente e precisou de injeções que custam caro. “Graças a Deus tivemos ajuda, mas a situação está bem apertada”, completou.

Seminário e bazares

Para tentar ajudar, os integrantes da academia de jiu-jitsu Grace Barra de Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC), cidade em que a família vive, organizaram para esta quarta-feira (11) um seminário com a renda toda revertida à Thayla. Quem vai comandar o evento é o lutador Rodrigo Fajardo, o “Pimpolho”, que recentemente conquistou o ouro no Europeu de Jiu-Jitsu da IBJJF, em Portugal.

O valor para participação é de R$ 30 e um depósito na conta da menina é a única exigência para os interessados. “Quem não puder ir ao evento, mas quiser ajudar, costumo dizer que toda ajuda vai ser bem-vinda, independente do valor”, diz a mãe. Além de dinheiro, Adriana também aceita doação de roupas e calçados, pois costuma fazer bazares. “A venda das roupas usadas me ajuda e muito na renda de casa, por isso este tipo de doação vai ser muito útil também”.

Como ajudar?

– Contato: Adriana (41) 98512-7108

– Doações:

Thayla Vitória Turko Castelo Branco
CPF 099.629.949-18
Caixa Econômica Federal
Agência: 2974
Operação: 013
Conta: 24265-2

– Evento com Pimpolho
Quarta-feira (11/10), às 20h30
Academia Gracie Barra de Colombo
Estrada da Ribeira, 78
Obrigatório apresentar o comprovante de depósito na conta de Thayla
Informações: (41) 3537-6772.

Sobre o autor

Lucas Sarzi

Jornalista formado pelo UniBrasil.

Deixe um comentário

avatar

1 Comentário em "Desafio de vida"


Leonizia Bastos
Leonizia Bastos
2 meses 7 horas atrás

Agora eu pergunto! Cadê o MINISTRO DA SAÚDE nessa hora,essa família se tive ajuda da saúde publica,
não precisariam gastar o pouco dinheiro que tem com remédios, é um direito da criança a ter uma saúde melhor.Senhores GOVERNANTES, façam alguma coisa em prol de atendimento a essa criança.

wpDiscuz
(41) 9683-9504