enkontra.com
Fechar busca

BLOGS

Marcelo Kasprzak

O mundo é seu viaje

Marcelo Kasprzak

Viagem e turismo

Mais dicas para Cruzeiros

  • Por Tribuna do Paraná

” De navio, cada dia um novo paraíso ”

       Pode haver uma leve confusão ou dúvida entre Navio de Cruzeiro e Transatlântico que, na verdade são a mesma coisa. Na teoria seria que o Transatlântico é um navio que cruza os oceanos e tem, geralmente, uma rota definida ou fixa. Os Navios de Cruzeiros não obedecem sempre uma rota fixa, vão onde tem passageiros ou temporada ou melhor lugar para o turismo ($!) dependendo da época do ano parando em vários portos do mundo. Para mim não faz diferença, o que vale é a experiência. 

Mais algumas dicas para quem pretenda viajar de navio :

COMPANHIA : Verifique bem a companhia antes de embarcar. Mesmo assim, vai ver com o tempo se voltar a fazer cruzeiros que é como trocar de hotel; alguns navios ( ou companhias ) são muito melhores que outros ( outras ).

ESCOLHA : Você pode escolher seu cruzeiro pelo navio ou pelo roteiro. Conciliar os dois já é mais difícil. Tenha um bom agente de turismo ou agência de confiança passando o que deseja.  Aconselho não fechar nada pela internet dando número de seu cartão de crédito, pois podes entrar numa fria, além do que as informações pode estar um pouco deturpadas.  Cuidado com certos sites e certas promoções ! Arrume as malas para viver uma experiência inesquecível. Verifique também que tipo de cruzeiro é, pois um cruzeiro para solteiros ou para homossexuais não será uma experiência agradável para uma lua de mel padrão, por exemplo.

NAVIO : Às vezes é melhor viajar num navio menor, caso você queira mais tranqüilidade e sossego. Quanto maior o navio, mais gente. Alguns chegam a ter 6 mil pessoas a bordo, ou mais … Quanto mais gente, mais tumulto e possíveis incômodos. Veja bem o que deseja com relação ao tamanho e diversidade do navio, o destino e principalmente a época do ano e categoria do navio para não ter nenhuma decepção ( experiência própria ! ). Nas férias escolares com certeza eles estarão mais lotados. Outra dica é sempre trocar de navio, não repetir o mesmo para ver a diversidade.

VISTOS : Verifique se há a necessidade do visto para o desembarque nos portos em que o navio vai aportar, geralmente é com o cartão do navio, mas alguns países exigem mesmo assim o visto ! Seu agente de turismo ou empresa tem obrigação de lhe alertar e providenciar isso, às suas custas, claro. Se for embarcar e retornar para o mesmo porto em um país que exige visto, ele terá de ser de múltiplas entradas. Isso pode acabar com seu cruzeiro. Se você recebe um visto com apenas um entrada, por exemplo, e vai retornar ao país novamente depois do cruzeiro, não poderá entrar, pois já utilizou antes de embarcar no navio quando chegou no país, certo ? É um erro que já aconteceu com o próprio consulado americano, mas é você quem paga o pato lá na hora … cheque antes de viajar.

EMBARQUE : Procure chegar na cidade de embarque pelo menos um dia antes do navio partir ou no mínimo com várias horas de antecedência. Podem ocorrer alguns atrasos inesperados de vôo ou escala, etc … Todos os passageiros devem estar à bordo com no mínimo 30 minutos de antecedência ! Não perca a saída do navio, não haverá restituição financeira, muito menos a perda das férias. Saiba o nome do porto de embarque e o endereço ( Port, Cruise Terminal ou Pier ). Em Dubai por exemplo existem vários portos e o taxista talvez não saiba onde ir, fato que já ocorreu comigo e já soube de gente que perdeu o navio por falta desta informação ! Geralmente isto não vem escrito no valcher. Alguns navios retém o passaporte e lhe devolvem antes do desembarque, seu único vínculo e documento de viagem será o cartão do navio que sempre será exigido nas saídas e retornos ao barco. 

EXERCÍCIO DE EMERGÊNCIA : É uma chamada obrigatória para todos os pa,ssageiros que devem participar. Terá de ir na sua cabine e colocar o coletes salva-vidas e ir até o ponto indicado. No primeiro tudo é novidade … vai querer tirar até foto, etc … depois de vários cruzeiros, vai ver que isso é realmente um saco. Pelo que soube, caso não participe do exercício, não terá a prioridade no caso de uma real emergência ! Mas infelizmente, se houver mesmo uma emergência, será um ” Deus nos acuda …”, pois aí nada sai do jeito que tem de ser; é como em um avião … ninguém presta atenção nas regras e nem a tripulação está MESMO preparada para lhe ajudar numa calamidade ou tragédia. Salve-se quem puder ! Isso é uma realidade.       

DESEMBARQUES : Alguns portos não permitem o desembarque e a circulação de passageiros à pé, sozinhos ou ficar circulando por lá. Ou reserva-se as excursões ou pegasse um ônibus ou Van que leve para fora do porto. Caso isso ocorra, melhor ir de excursão. Em alguns países é complicado descer por conta e tentar se virar sozinho devido à língua, a cultura e mesmo a falta de honestidade de alguns povos pode trazer problemas. Se você já conhece bem o lugar de parada do navio, outra dica é ficar a bordo para aproveitar o navio que geralmente fica vazio, aí fica tudo só para você, apesar das lojas e cassinos fecharem quando aportados ( já explicado na publicação anterior ).

MALAS : Apesar de não haver excesso de peso, os navios deveriam deixar os passageiros embarcarem com todas as suas malas em mãos ao invés de despachá-las no porto, assim se evitaria os incômodos de esperar pelas malas nas cabines que, às vezes, pode ser um grande incômodo chegando a desaparecer sua bagagem, coisa que nunca aconteceu comigo, ainda bem, mas já soube que isso aconteceu com alguém, um absurdo total ! Já pensou ter de passar uma semana com a mesma roupa ? Não sei como o navio ou a tripulação resolveria isso, mas que tem de resolver, tem ! E rápido ! Outro despacho é no desembarque final; na última noite você tem de deixar sua bagagem do lado de fora da cabine com as etiquetas que vão lhe entregar para pega-las em seguida no porto … cada um poderia sair com as suas, outro absurdo e perda de tempo ! Só não esqueça de reservar uma roupa para o dia seguinte, para deixar o navio junto com seus objetos, bens pessoais e de higiene.

HORÁRIO : Cuide com o horário local e o horário do navio principalmente ! Seu horário é o do navio, pois ele não espera para ir embora e pode ter diferença. Já presenciei alguma tolerância e alguém chegando de lancha após deixar o porto, ainda teve sorte. Retorne pelo menos com uma hora antes do horário de saída do navio, é uma prevenção bem útil.

EXCURSÕES : Já vá para sua viagem com as possíveis excursões selecionadas em todos os portos que deseja descer. Cheque no site da empresa. Isso facilitará muito na hora de reservá-las agilizando e lhe fazendo não perder tempo no balcão de excursões dos navios, local onde sempre fica lotado. Estando com as suas excursões escolhidas tudo será mais rápido e também é possível reservar antecipadamente pela internet, daí é só esperar seus tickets/valchers de excursões diretamente na cabine. Obs.: As excursões são cobradas à parte no final do cruzeiro ou no seu cartão de crédito.

INFORMAÇÕES : Todas as noites vai receber na usa cabine um mini-jornal ou folheto com as dicas necessárias do ocorre no navio ou no porto no dia seguinte. Fique atento e veja o que deseja fazer e participar. Programe-se ou simplesmente não faça nada, afinal você está de férias !

CABINE : Se não é milionário nem muito exigente com espaço, não ligue para a cabine. Escolha a menor que tiver mesmo, afinal de contas você não vai parar lá. A cabine é só para dormir e tomar banho para sair de novo. Descanse pouco, aproveite o navio, pois tudo à bordo é igual para todos, não existe primeira classe ou classe econômica como no filme Titanic. Embarque com a ,informação de que está em lua de mel ( Honeymoon ), quem sabe não ganha um up grade e vai para uma cabine melhor sem pagar nada por isso, pode faltar alguém. Já ganhei essa duas vez. E ainda existe a opção de cabine garantida em algumas companhias onde você paga por uma cabine mais em conta sem saber onde fica, vai saber apenas na hora do embarque, porém existe também a possibilidade de ganhar uma superior, é um tiro no escuro.  Com relação ao acesso a todas as partes do navio, tive uma decepção com a empresa Princess, onde estavam cobrando U$ 120,00 para utilização da jacuzzi coberta do Spa, achei um abuso ! Em todas as outras companhias que viajei nunca vi isto. Mandei reclamação e nem resposta obtive … não esperem que eu vá retornar. É claro que não paguei e utilizei as jacuzzis ao ar livre mesmo. Na real, esta companhia precisa melhorar para tentar competir com as outras.

CAMA : Se você não pagar por uma suíte das mais caras, algumas vezes sua cama será uma de solteiro, separadas. Portanto, se estiver em casal ( principalmente em lua de mel ), peça uma cabine com cama de casal se possível ou que pelo menos seja possível juntar as duas de solteiro. Algumas cabines podem ter algo fixo no meio delas e não ser possível juntá-las.

ROUPA SOCIAL : Isso pode ser bom ou ruim, depende de você. Os cruzeiros tem noites de gala ou mais requintadas como a noite do capitão na abertura e no encerramento ou noite de despedida. Alguns cruzeiros mais longos tem até mais que duas noites assim, o que lhe fará encher mais sua mala para não ficar repetindo a mesma roupa, caso isso seja seu perfil, pois você não é obrigado a participar desses jantares. Também alugam smoking para os mais exigentes ou para quem não queira gastar o terno. Pode optar jantar em outro(s) restaurante(s) que com certeza o navio terá. Nos seus primeiros cruzeiros, leve seu traje e roupa social para sentir essa formalidade, vale à pena uma ou duas vezes na vida ( alguns fazem questão disso ) … mas se não gostar desse estilo, como eu, após seu quinto ou oitavo cruzeiro vai achar isso um saco e aí a dica é levar uma calça jeans mesmo ( mais séria ) e uma camisa social para essas noites … gravata  nem pensar … pois também não é uma exigência tão à risca, vai ver pessoas mais à vontade ( como eu ), por isso fica sua opção mesmo sentir-se na primeira classe do Titanic ( rs ).

MESA DE JANTAR : Geralmente o navio procura colocar junto as pessoas da mesma nacionalidade na mesma mesa para os jantares de gala ou mais luxuosos que ocorrem todos os dias também. Se não quer sentar com estranhos ou quer ficar a sós com seu par peça uma mesa privativa, é possível. Mas faça isso logo que embarcar, fale com o métre.

HORÁRIO JANTAR : Geralmente os brasileiros são colocados para jantar no segundo horário ( Second Service, em torno das 20:00 / 21:00 hs ) devido a ser mais tarde e este ser a escolha da maioria. Se você não gosta de jantar ou dormir tarde, peça o primeiro turno ( First Service ou Traditional Dinnig, em torno das 18:00 / 19:00 hs ), porque, mesmo que o navio tenha o compromisso de horário e um excelente atendimento pode ocorrer atrasos devido à limpeza e você ter de esperar mais para jantar. Pode existir a opção Anytime Dinning que é poder comer a hora que quiser, ficando mais livre, na realidade nunca tive essa opção. Não se prenda apenas a esses jantares clássicos ( Eu particularmente acho um saco ! ), aproveite tudo o que o navio oferece. Com certeza terás outras opções que são bem atraentes. Varie.

REMÉDIOS CASEIROS : Leve de casa seu próprio estoque de medicamentos básicos, pois utilizar a enfermaria ou o atendimento hospitalar pode doer mais no bolso do que no corpo. Já precisei me medicar e isso salvou minha viagem.

      O que digo é o seguinte ao amigo leitor : Você não precisa ficar viajando de navio, claro … mas não deixe de fazer ao menos um grande cruzeiro em sua vida !!  ,                         

Marcelo Costa Kasprzak  

www.omundoseuviaje.blogspot.com  

omundoseuviaje@hotmail.com

PRÓXIMA PUBLICAÇÃO 23/09/2010 >TAILÂNDIA

PUBLICAÇÕES ANTERIORES ABAIXO

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Deixe um comentário

avatar

Seja o Primeiro a Comentar!


wpDiscuz

Últimas dos blogs

Bebel Ritzmann

Bebel Ritzmann

Bebel Ritzmann

Atualidades

·

Professor de Direito analisa o instituto da jurisprudência à luz do novo Código de Processo Civil

Diogo Souza

Direto do Octógono

Diogo Souza

Notícias sobre o mundo da luta. Tudo sobre artes marciais, MMA, UFC e outros campeonatos e eventos.

·

Lutador do UFC relata momentos de terror em incêndio na Califórnia

Paula Weidlich

Mania Animal

Paula Weidlich

Dicas sobre o mundo PET e divulgação sobre feiras de adoção de cães e gatos

·

Jade sumiu e sua família pede ajuda para encontrá-la

Últimas Notícias

Mais comentadas